Turquia promete utilizar mais força contra a Síria

O chefe das Forças Armadas da Turquia, general Necdet Ozel, prometeu retaliar com mais força qualquer bombardeio vindo da Síria que volte a atingir o país. A declaração feita nesta quarta-feira aumenta a pressão sobre os sírios um dia após a Otan ter afirmado que está pronta para defender seus aliados turcos.

AE, Agência Estado

10 de outubro de 2012 | 09h49

Ozel inspecionou as tropas que foram colocadas ao longo da fronteira entre os dois países, nesta semana de hostilidades entre os lados, com disparos de artilharia e morteiros. A tensão aumenta os temores de que a guerra civil na Síria transforme-se em um conflito regional. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
TurquiaSíriatensão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.