Turquia recebe outros 600 sírios

Pressionados pelo avanço das Forças Armadas da Síria, que tentam conter a revolta antirregime que dura três meses no país, centenas de refugiados cruzaram a fronteira em direção à Turquia ontem. Mais de 11 mil sírios estão abrigados ou procuram refúgio em solo turco para escapar da repressão que o presidente Bashar Assad promove para se manter no poder.

AP, O Estado de S.Paulo

24 de junho de 2011 | 00h00

Segundo o Crescente Vermelho, cerca de 600 refugiados sírios cruzaram a fronteira ontem - a maioria em dois comboios de micro-ônibus que acabaram escoltados pelas forças turcas até acampamentos próximos. Do lado turco da fronteira, jornalistas viram soldados sírios patrulhando Khirbet al-Jouz. Desde o início do conflito, as tropas sírias não haviam chegado tão perto da Turquia.

Os chanceleres sírio e turco conversaram pelo telefone sobre a situação dos refugiados. Estima-se que pelo menos 1,3 mil pessoas tenham sido mortas pelas forças do presidente. A União Europeia ampliou as sanções contra o regime sírio na terça-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.