Turquia: Sobe a 151 número de mortos em mina

Pelo menos 151 pessoas morreram em um acidente ocorrido hoje em uma mina de carvão na Turquia, informou ministro de Energia do país, Taner Yildiz, já no início da madrugada de quarta-feira, pelo horário local.

AE, Agência Estado

13 Maio 2014 | 20h33

Yildiz informou ainda que mais de 780 mineiros trabalhavam no subsolo quando ocorreu uma explosão seguida de incêndio no interior da mina, situada em Soma, cerca de 250 quilômetros ao sul de Istambul.

Além dos 151 mortos, 76 mineiros ficaram feridos, um deles em estado grave. Os sobreviventes resgatados foram enviados a um hospital na cidade de Soma, na província de Manisa.

Ainda não se sabe ao certo quantos mineiros continuam presos na mina, situada em Soma, cerca de 250 quilômetros ao sul de Istambul. Calculou-se inicialmente que haveria entre 200 e 300 mineiros retidos no subsolo.

O ministro turco de energia, Taner Yildiz, qualificou a situação como "perturbadora" e disse mais cedo que os esforços de resgate persistiriam pelo menos até o amanhecer da quarta-feira.

Mehmet Bahattin Atci, um administrador local, disse que a explosão foi causada por uma unidade de distribuição de energia.

O canal de televisão turco NTV disse que o acidente ocorreu cerca de dois quilômetros de profundidade dentro da mina.

Os jornalistas estavam sendo mantidos longe do local, mas uma testemunha disse à emissora que viu ambulâncias entrando e saindo da área.

Acidentes em minas são relativamente comuns na Turquia, que sofre com a falta de condições mínimas de segurança. Fonte: Associated Press e Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Turquia explosão mina

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.