TV árabe recebe vídeo "perturbador" de refém britânica

A rede Al-Jazeera recebeu um novo vídeo da refém britânica Margaret Hassan, mas decidiu não divulgá-lo por considerar as cenas muito fortes. A informação foi dada pelo premier Bertie Ahern, da Irlanda - além de britânica, Margaret, seqüestrada no Iraque em 19 de outubro, também é cidadã irlandesa e iraquiana.Ahern não viu o vídeo mas teve acesso à sua descrição, "perturbadora". Nas imagens, a diretora da ONG Care aparece implorando por sua vida e depois desmaia. Um balde d´água é esvaziado sobre sua cabeça, e a refém é filmada no chão, molhada e desfalecida. Ela então volta se levantar, aos prantos.A TV árabe confirmou o recebimento da fita e sua decisão de não transmiti-la por "razões humanitárias". Divulgou, porém, uma versão editada, sem som, de um vídeo com as ameaças dos seqüestradores. Nestas imagens, os terroristas ameaçam entregar a refém em 48 horas à milícia do jordaniano Abu Musab al-Zarqawi - responsável por diversas decapitações no Iraque - se a Grã-Bretanha não retirar suas tropas do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.