TV chinesa mostra imagens de manifestantes tibetanos presos

A imprensa chinesa afirmou pelo menos 24 pessoas que se entregaram à polícia, sem dar detalhes

AE-AP

20 de março de 2008 | 19h48

Emissoras de TV chinesas mostraram nesta quinta-feira, 20, imagens de vários manifestantes tibetanos presos. A imprensa chinesa afirmou que eles se entregaram à polícia, sem dar detalhes. Veja também:China admite que protestos se espalharam para fora do TibetePapa pede diálogo e tolerância para a crise China diz que enfrenta 'luta de vida ou morte' Protestos se espalham na ChinaEntenda os protestos no Tibete A promotoria da China informou que pelo menos 24 pessoas serão formalmente acusadas de "colocar em perigo a segurança nacional", assim como de "agressão, vandalismo, saques, incêndios e outros crimes graves". Segundo a agência oficial Nova China, até esta sexta-feira 170 tibetanos haviam se entregado às autoridades. Pequim tinha dado prazo até segunda-feira, 24, para que os manifestantes se apresentassem à polícia e fossem perdoados.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaTibete

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.