Ucrânia acusa Rússia de derrubar um de seus jatos

A Ucrânia acusou as Forças Armadas russas de ter derrubado um de seus aviões em território ucraniano. Esta é a acusação mais direta de Kiev sobre o envolvimento de Moscou no conflito separatista que acontece no leste ucraniano.

Agência Estado

17 Julho 2014 | 09h53

Um avião militar russo disparou e derrubou um jato ucraniano SU-25 que voava sobre a cidade de Amvrosiivka, na região ucraniana de Donetsk, na noite de quarta-feira informou o porta-voz do Conselho de Defesa e Segurança Nacional ucraniano, Andriy Lysenko.

O Ministério da Defesa da Ucrânia disse que o jato foi atingido na cauda e que os disparos vinham da direção da fronteira russa. O incidente aconteceu por volta das 19h de quarta-feira.

"Desta forma, a Rússia executou outra provocação", disse o ministério em comunicado. "O bombardeio provavelmente veio de mísseis ar-ar disparados de duas aeronaves russas que patrulham a fronteira numa determinada área."

A afirmação não pôde ser verificada de forma independente. O Ministério da Defesa russo não respondeu a pedidos de declaração sobre o caso.

A Ucrânia acusa a Rússia de enviar armas, reforços e apoio para separatistas ucranianos por meio da fronteira entre os dois países, mas Moscou nega que ajude os combatentes separatistas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Ucrânia Rússia jato queda

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.