Ucrânia aprova US$ 1,2 bi para vítimas de enchentes

O parlamento da Ucrânia aprovou hoje um pacote de emergência de US$ 1,2 bilhão em socorro às vítimas das enchentes, que mataram pelo menos 30 pessoas no sul do país. Foi aprovado o decreto do presidente Viktor Yushchenko, que declarou área de desastre em seis regiões. Na semana passada, chuvas pesadas no sudoeste dos Cárpatos levaram ao transbordamento dos rios Prut e Dniester. Centenas de vilarejos e cidades na Ucrânia e na Moldávia foram alagadas, mais de 40 mil casas sofreram com a inundação e 20 mil pessoas foram retiradas das margens dos rios. O ministro de Emergências da Ucrânia, Volodymyr Shandra, disse que 23 pessoas morreram afogadas, três foram mortas por raios, três foram eletrocutadas e uma foi soterrada por uma avalanche de terra. Um ministro ucraniano descreveu as enchentes, no começo desta semana, como as piores em cem anos. Além da Ucrânia e Moldávia, os temporais também castigam a Romênia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.