Ucrânia detém líder pró-Rússia em Donetsk

Agentes do serviço secreto da Ucrânia detiveram Pavel Gubaryev, um dos líderes dos protestos a favor da Rússia que se declarou governador da região de Donetsk. Cerca de doze homens, alguns trajados com uniformes pretos e capacetes, entraram no apartamento de Gubaryev na noite de quinta-feira com uma ordem judicial e o detiveram, sem resistência.

AE, Agência Estado

07 de março de 2014 | 03h17

Em declaração reproduzida pela mídia local, o Serviço de Segurança da Ucrânia (SBU, na sigla em inglês) declarou que Gubaryev é suspeito de tentar conduzir um golpe contra o governo e invadir prédios públicos.

Antes disso, o líder favorável à Rússia postou em sua página no Facebook que estava ciente dos planos para detê-lo e classificou a ação como uma tentativa de amedrontá-lo. Ele convocou grandes manifestações a favor da Rússia durante o fim de semana. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Ucrâniaprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.