Ucrânia lançará operação antiterrorismo, diz presidente

O presidente da Ucrânia, Oleksandr Turchynov, disse que o país vai lançar uma "operação antiterrorismo em larga escala" para resistir às agressões da Rússia. Em discurso no parlamento transmitido ao vivo pela TV, Turchynov disse que as autoridades em Kiev não permitirão que "o cenário da Crimeia se repita".

(AE), Agência Estado

13 de abril de 2014 | 13h25

A Rússia anexou a península da Crimeia no mês passado, depois que os moradores da região decidiram em referendo se separar da Ucrânia. Os governos dos Estados Unidos e da Ucrânia acusam a Rússia de orquestrar distúrbios no leste da Ucrânia.

Em Moscou, mais de 10 mil pessoas se reuniram para protestar contra a cobertura jornalística da rede de TV estatal russa, principalmente do conflito com a Ucrânia. Em sua cobertura, a rede estatal vem retratando o novo governo ucraniano como uma "junta fascista" controlada pelos EUA e determinada a oprimir a população que fala russo no leste do país. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
UCRÂNIARÚSSIACRISE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.