Ucrânia negocia retirada ou redução de tropas do Iraque

Em meio a uma onda de seqüestros, a Ucrânia iniciou negociações para reduzir e, possivelmente, retirar seus 1.650 soldados do Iraque - o quarto maior contingente da força multinacional liderada pelos Estados Unidos.O Ministério da Defesa da Ucrânia confirmou as conversações para a saída dos ucranianos com os EUA e a Polônia, país que lidera o contingente ao qual as forças da Ucrânia estão integradas. Fontes disseram que a decisão estaria relacionada com o aumento da insegurança no Iraque, mas analistas vêem ligação com as eleições presidenciais em outubro.

Agencia Estado,

29 de julho de 2004 | 19h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.