Ucrânia paralisa operações para retomar cidade

A Ucrânia paralisou suas operações para retomar a cidade de Slovyansk de militantes pró-Rússia em meio ao "elevado risco" de a Rússia enviar tropas para a região, afirmou uma fonte da segurança nacional em Kiev. A operação "foi paralisada para que o plano seja reformulado", disse a fonte.

AE, Agência Estado

24 de abril de 2014 | 11h09

Segundo a fonte, sete militantes pró-Rússia foram mortos na operação, que era destinada a remover homens armados que ocupam prédios do governo. No entanto, há relatos conflitantes sobre o número de mortos. O Ministério do Interior da Ucrânia afirmou que cinco militantes morreram.

Autoridades do governo russo criticaram a operação e o Ministério de Defesa informou que vai lançar exercícios militares na fronteira com a Ucrânia como resposta. Fonte: Dow Jones Newswires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.