Ucrânia pede fim pacífico para ocupação da Crimeia

Paris, 05/03/2014 - O recém-nomeado ministro de Relações Exteriores da Ucrânia, Andreï Dechtchitsa, pediu para a Rússia encerrar pacificamente a sua ocupação na região da Crimeia. O pedido foi feito durante uma reunião de emergência na França, em Paris, com o ministro francês Laurent Fabius.

Agência Estado

05 de março de 2014 | 08h09

Os diplomatas estavam participando de um encontro para discutir uma ajuda econômica para o Líbano, mas os dois países aproveitaram o evento para estimular o diálogo entre Moscou e o governo interino da Ucrânia.

"Queremos resolver essa situação da forma mais pacífica possível. Nós não queremos lutar contra o povo russo", disse Dechtchitsa. O ministro ucraniano também se disse orgulhoso pela presença da Marinha do país na Crimeia, mesmo com a chegada das tropas russas. "Eles estão de pé e lutando contra a ocupação militar", acrescentou. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
UCRÂNIARUSSIACRIMEIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.