UE deve reduzir sanções ao Irã já em dezembro

O ministro de Relações Exteriores da França, Laurent Fabius, disse hoje que a União Europeia provavelmente reduzirá sanções impostas ao Irã já em dezembro, após Teerã ter assinado um acordo preliminar sobre seu programa nuclear com as potências econômicas no fim de semana.

Agência Estado

25 de novembro de 2013 | 07h00

Os países-membros da UE deverão votar sobre o alívio das sanções durante uma reunião de cúpula de ministros de Finanças prevista para as próximas semanas, afirmou Fabius. A aprovação precisa ser unânime, explicou o ministro.

Segundo Fabius, a flexibilização das sanções será limitada, específica e reversível, de forma que voltem a valer caso o Irã não cumpra seus compromissos. Ele detalhou que restrições impostas a investimentos na indústria automobilística do Irã estarão entre as sanções a serem levantadas no mês que vem.

No ano passado, as montadoras francesas Peugeot Citroën e Renault fecharam operações no Irã após a UE ampliar sanções ao país. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
IrãUEsanções

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.