Arquivo/AE
Arquivo/AE

Um em cada cinco adultos sofreu distúrbio mental nos EUA em 2011

Estudo destacou apenas os casos de transtorno emocional, comportamental ou mental, excluindo os transtornos de desenvolvimento ou ligados ao uso de substâncias

Reuters

19 de janeiro de 2012 | 17h57

Um em cada cinco adultos nos Estados Unidos, ou cerca de 50 milhões de pessoas, sofreu com algum tipo de doença mental no ano passado, com as mulheres e jovens se destacando de maneira desproporcional, segundo um relatório do governo divulgado nesta quinta-feira, 19.

A pesquisa feita pela Administração de Serviços de Saúde Mental e Abuso de Substâncias descobriu que as mulheres tinham risco maior do que os homens (23 por cento a 16,8 por cento) de ter sofrido um problema mental, enquanto a taxa de doença mental entre jovens com idades entre 18 e 25 anos era o dobro da de pessoas com mais de 50 anos.

A administração define doença mental entre adultos como transtorno emocional, comportamental ou mental, excluindo os transtornos de desenvolvimento ou ligados ao uso de substâncias. A pesquisa descobriu que 5 por cento dos adultos norte-americanos, ou 11,4 milhões de pessoas, sofreram uma doença mental grave no ano passado que interferiu nas suas vidas.

De acordo com o relatório, cerca de 8,7 milhões de norte-americanos adultos pensaram sobre suicídio no ano passado, tendo 2,5 milhões feito planos para se matar e 1,1 milhão tentando tirar as próprias vidas.

Norte-americanos que sofrem de doenças mentais são três vezes mais propensos a desenvolver dependência de substâncias ou abuso de substâncias do que adultos que não estão doentes. Entre os jovens com idades entre 12 e 17 anos, 8 por cento - ou 1,9 milhão de adolescentes - experimentaram um episódio depressivo no ano passado, definido como um período de pelo menos duas semanas, quando uma pessoa fica com o humor deprimido ou perda de interesse pelas coisas.

Esses adolescentes com episódios depressivos também tiveram duas vezes o índice de uso de drogas ilícitas mais alto do que os que não sofreram depressão.

A administração pesquisou 67.500 pessoas com mais de 12 anos de idade em todo o país.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.