Um pequeno avião invade o espaço aéreo da Casa Branca

Jatos da Força Aérea dos EUA interceptaram, hoje, um avião particular que chegou perto demais da Casa Branca, informou o Serviço Secreto. O presidente George W. Bush estava ausente, na hora, em viagem ao Arkansas e Carolina do Sul.O vice-presidente Dick Cheney e o chefe do staff da Casa Branca, Andrew Card, tiveram de mudar-se temporariamente para um local seguro, como medida de precaução, segundo o porta-voz do governo, Scott McClellan. Eles reassumiram a rotina normal logo após.O avião foi detectado voando em direção sudoeste quando entrou em espaço aéreo proibido, segundo a porta-voz do Serviço Secreto, Jean Mitchell. Os jatos decolaram de Maryland e o interceptaram, acompanhando-o para fora da área, ela explicou.?Sempre que temos uma violação do espaço aéreo, levamos muito a sério?, acrescentou. ?Naquela hora, não sabíamos se era um engano.? Segundo o porta-voz do Comando Norte-Americano de Defesa Aeoroespacial, major Douglas Martin, concluiu-se que o avião não representava uma ameaça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.