União Européia ameaça recorrer à OMC contra EUA

A União Européia vai recorrer à Organização Mundial do Comércio (OMC) se os Estados Unidos decidirem sobretaxar em 30% as importações de aço para proteger a indústria norte-americana, que, nos últimos cinco anos, viu quebrar 37 siderúrgicas por falta de competitividade. O comissário de Comércio da União Européia, Pascal Lamy, afirmou hoje à imprensa internacional que a União Européia não tem por que pagar aos Estados Unidos "o mal desempenho de sua indústria siderúrgica". A medida, solicitada pela Comissão de Comércio Internacional dos Estados Unidos à administração Bush, poderá não afetar o Canadá e o México, seus parceiros no Nafta (sigla em inglês do Acordo de Livre Comércio da América do Norte). Atualmente, o Canadá responde por 15% das importações norte-americanas de aço e o México por 10%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.