União Européia dará passaportes a bichos de estimação

Num esforço para tornar mais fácil para os animais de estimação viajarem com seus donos na Europa, a União Européia propôs, hoje, conceder passaportes para cães, gatos e furões.Os proprietários receberão uma espécie de livreto padronizado, estampado com o círculo de estrelas douradas da UE, listando vacinações e certificados contra a raiva.Os passaportes, que serão impressos na língua nativa do proprietário e em inglês, identificarão os animais por microchips, tatuagens ou uma fotografia opcional. Os passaportes substituirão os papéis de viagem emitidos pelos 15 governos da EU e serão válidos em todos os países do grupo.?Está é uma ótima notícia para donos de bichos de estimação como eu?, disse o comissário da EU para proteção da saúde e do consumidor. Divid Byrne, que tem um cão. ?Este é um passo significativo para a livre movimentação das pessoas e seus animais, tornado possível pelas nossos avanços dramáticos contra as doenças animais.?Animais exóticos, como ratos, répteis e peixes não precisariam de passaporte para viajar dentro da comunidade, segundo a proposta. Mas animais de estimação em viagem para a Inglaterra, Irlanda e Suécia ainda terão de se submeter a controles adicionais contra a raiva antes de receber permissão de entrada.Não está claro se os passaportes seriam reconhecidos por outros países, como Estados Unidos, Japão ou Canadá.A proposta ainda necessita a aprovação dos governos da União Européia e do parlamento europeu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.