Mohamed Dahir/AFP
Mohamed Dahir/AFP

União Europeia lança primeiro ataque contra base de piratas somalis

Aeronave destruiu várias embarcações em praia na região central de Galmudug

AE, Agência Estado

15 Maio 2012 | 09h44

BRUXELAS - Um helicóptero da marinha europeia atacou uma base de piratas na costa da Somália na madrugada desta terça-feira, 15, na primeira ofensiva do tipo desde que a União Europeia (UE) autorizou ataques a alvos em terra.

A aeronave partiu de um de vários navios de uma frota da UE e destruiu várias embarcações usadas pelos piratas numa praia da região central de Galmudug, segundo autoridades militares. O ataque faz parte de uma estratégia para garantir a segurança de vias marítimas vitais.

"Acreditamos que esta ação da Força Naval da UE vai aumentar a pressão sobre os piratas e atrapalhar seus esforços de saírem para o mar e atacarem navios mercantes e outras embarcações", disse o contra-almirante Duncan Potts, comandante da operação da UE.

Navios de guerra da UE e da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) vêm combatendo os piratas no mar desde 2008. Em março, no entanto, os europeus decidiram ampliar a luta anti-pirataria com a autorização de ataques a equipamentos piratas armazenados em terra.

As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
SomáliaUEataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.