União Europeia retira anúncio racista do ar

O comando da Comissão Europeia pediu desculpas públicas e retirou do ar um anúncio sobre a União Europeia considerado racista. O vídeo mostrava estereótipos dos "vilões" que "ameaçam" o bloco - entre eles, um capoeirista representando o Brasil. A UE era representada por uma mulher com figurino inspirado no filme Kill Bill.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.