União Europeia vai doar ? 140 milhões para tratar ebola

A União Europeia disse nesta sexta-feira que vai doar 140 milhões de euros (US$ 181 milhões) para apoiar os quatro países da África Ocidental mais atingidos pelo surto de ebola.

Estadão Conteúdo

05 de setembro de 2014 | 17h10

Deste pacote de ajuda, 97,5 milhões de euros vão direto para os orçamentos desses países a fim de ajudá-los a custear serviços públicos e fortalecer suas economias, que já estão sentindo os danos vindos da epidemia.

Outros 38 milhões de euros vão reforçar serviços de saúde na Guiné, Serra Leoa, Libéria e Nigéria, informou a União Europeia em um comunicado. A ação também vai aumentar a quantidade de suprimentos de água e materiais de higiene a serem enviados.

Serão destinados 5 milhões de euros para equipar laboratórios móveis e financiar o treinamento de profissionais de saúde nesses países.

"A situação está indo de mal a pior, mesmo com bravos esforços de organizações humanitárias e com assistência substancial fornecida anteriormente pela comunidade internacional, incluindo a União Europeia", disse Kristalina Georgieva, comissária europeia responsável pela Ajuda Humanitária e Resposta a Situações de Crise, no comunicado.

"Estamos ajudando a fazer a diferença na área, mas as necessidades estão ultrapassando a capacidade da comunidade internacional reagir", acrescentou Kristalina.

O compromisso da União Europeia vem no mesmo momento em que a Agência Internacional para o Desenvolvimento, ligada ao governo americano, doou cerca de US$ 100 milhões para ajudar países atingidos pelo Ebola. Fonte: Dow Jones Newswires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.