Uribe acusa Venezuela de 'violar' direitos

O presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, acusou ontem a Venezuela de violar os direitos humanos de oito colombianos detidos no país vizinho em março sob a acusação de espionagem do setor elétrico. Caracas diz que os detidos tinham fotos de subestações de energia, sistemas de transmissão e estradas, e alguns deles carregavam identidades do Exército colombiano. Os suspeitos estão sendo processados pela Justiça militar venezuelana. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.