Uribe ameaça renunciar. Quer apoio político na Colômbia

O presidente Alvaro Uribe estaria disposto a renunciar e antecipar as eleições presidenciais caso aumente a oposição e ele fique sem respaldo político, anunciou hoje o ministro do Interior e Justiça, Fernando Londoño. "Ele (Uribe) disse que não vai permanecer no Palácio Nariño (sede do governo) sobrevivendo por dois ou três anos sem que possa fazer nada pela nação", afirmou Londoño, durante uma reunião com parlamentares conservadores que fazem parte da bancada governista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.