Uribe é acusado na Espanha de espionagem

COLÔMBIA

, O Estado de S.Paulo

27 de outubro de 2010 | 00h00

Um processo aberto ontem em um tribunal de Madri acusa o ex-presidente colombiano Álvaro Uribe (2002-2010) de espionar pelo menos 20 pessoas na Espanha. Os denunciantes são dois refugiados colombianos, cujas identidades não foram reveladas por "motivos de segurança", explicou um porta-voz do movimento Justiça por Colombia, que agrupa várias ONGs de defesa dos direitos humanos. Uribe receberá hoje na Espanha um prêmio do Observatório Internacional das Vítimas de Terrorismo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.