Uruguai reconhece soberania do Estado palestino

O Uruguai reconheceu oficialmente nesta semana o Estado palestino, informou a agência de notícias Ma''an, da Autoridade Nacional Palestina (ANP). O anúncio foi feito pelo representante da Palestina na Argentina, Walid Al-Mu''aqat, durante uma reunião com o presidente do Uruguai, José Mujica, e o ministro das Relações Exteriores do Uruguai, Luis Almagro. O governo uruguaio cumpriu uma promessa feita por Mujica no ano passado, quando ele disse que iria reconhecer o Estado palestino nas fronteiras anteriores a 1967, ano da Guerra dos Seis Dias. Com o Uruguai, dez países sul-americanos já reconheceram o Estado palestino.

AE, Agência Estado

18 de março de 2011 | 14h32

A independência do Estado palestino, cujo caráter é simbólico, foi declarada unilateralmente pela Organização para Libertação da Palestina em 1988. Ela não é reconhecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) nem pelas potências ocidentais. Entre os mais de cem países que consideram a Palestina um Estado estão emergentes como Brasil, Rússia, China, África do Sul, Índia, países árabes e asiáticos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.