Uruguaio é resgatado 4 meses após sumiço nos Andes

Um cidadão uruguaio de 58 anos de idade foi resgatado neste domingo pela Gendarmeria Nacional argentina com vida e em boa condição de saúde quatro meses depois de ter desaparecido na Cordilheira dos Andes.

AE, Agência Estado

08 de setembro de 2013 | 19h33

O desaparecimento de Raúl Fernando Gómez foi reportado em maio. Na ocasião, ele tentava cruzar a pé a montanhosa fronteira entre o Chile e a Argentina depois de sua motocicleta ter quebrado no percurso.

Hoje, o jornal argentino El Tiempo de San Juan noticiou que o homem foi encontrado em um abrigo na montanha. Gómez perdeu 20kg e estava desidratado, motivo pelo qual foi levado a um hospital, mas seu estado geral era bom e ele estava lúcido. Ele relatou às autoridades locais ter-se alimentado de açúcar, frutas secas, sobras deixadas no refúgio e pequenos animais.

Gómez é funcionário público no Uruguai. Ele saiu em abril de Bella Unión, cidade na fronteira com a província argentina de Corrientes. Ele viajou até Mendoza, na fronteira com o Chile, para participar de um encontro de motociclistas. Depois, ele seguiu até a localidade chilena de Petorca, cerca de 200 quilômetros a noroeste de Santiago, para visitar um amigo. Na volta, sua moto quebrou e ele cruzou a fronteira a pé, mas ficou desorientado depois de ver-se no meio de duas fortes tempestades de neve. As buscas pelo uruguaio haviam sido suspensas por causa da nevasca. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ArgentinauruguaioresgateAndes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.