USP sobe para 38ª no ranking mundial, diz pesquisa

A Universidade de São Paulo (USP) subiu 49 posições e foi avaliada como a 38ª melhor universidade do mundo, aponta o Webometrics Ranking Web of World Universities, ranking semestral promovido pelo Ministério da Educação da Espanha e que avalia 17 mil instituições de ensino superior. O resultado coloca a universidade como a melhor instituição de ensino superior do Brasil e da América Latina. Entre as brasileiras, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) é a segunda melhor colocada, na 115ª colocação, e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) é a terceira, no 134º lugar.

GUSTAVO URIBE, Agencia Estado

31 de agosto de 2009 | 17h06

Em todos os itens avaliados pelo levantamento, como a qualidade das pesquisas acadêmicas e o prestígio em âmbito internacional, a USP posicionou-se à frente das outras universidades brasileiras. Outros critérios também levados em conta pela pesquisa foram o comprometimento dos professores, a relação da instituição com a comunidade e a qualidade do diálogo entre a universidade e setores da economia. Na edição da pesquisa referente ao primeiro semestre de 2009, o desempenho da USP registrou melhora em relação ao segundo semestre de 2008, quando ficou na 87ª posição.

O ranking promovido desde 2004 pelo governo espanhol foi liderado em sua última edição pelas universidades norte-americanas, que ocuparam as dez primeiras posições. O Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, na sigla em inglês) angariou o posto de melhor universidade, seguido por Harvard e por Stanford. Também no início deste ano, a USP ficou na 57ª posição na edição 2009 do Ranking of World Repositories Top 300 Institutions, que avalia as universidades por meio das bibliotecas digitais de dissertações e teses. Em 2008, a universidade ficou na 86ª colocação, 29 posições abaixo do desempenho registrado este ano.

Tudo o que sabemos sobre:
USPrankinguniversidadesUFSCUnicamp

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.