"Utor" deixa dois mortos e dois feridos nas Filipinas

O tufão "Utor", que atravessa as Filipinas sem perder força desde que tocou a terra no sábado, deixou até o momento dois mortos e dois feridos na ilha de Leyte, segundo dados preliminares da Defesa Civil.O fenômeno atmosférico arrasta ventos sustentados de 120 km/h nas proximidades do núcleo, com seqüências que alcançam os 150 km/h, seguindo rumo a oeste e noroeste a uma velocidade de 17 km/h. Segundo um relatório da Administração de Serviços Atmosféricos, Geofísicos e Astronômicos (Pagasa, sigla em inglês), o núcleo do tufão se situava às 10h (meia-noite de sábado, em Brasília) sobre o extremo sul da ilha de Mindoro, cerca de 280 quilômetros ao sul de Manila.A Pagasa mantém o alerta 3, com ventos entre 100 e 185 km/h, nas áreas previstas de quebra do tufão, enquanto reduziu o alarme em outras regiões do país.As intensas chuvas causadas pelo tufão levaram à evacuação de 66.787 pessoas na região central das Filipinas, sendo que 59.067 delas se encontravam na província de Albay, aproximadamente 350 quilômetros ao sudeste de Manila, onde 1.400 pessoas morreram ou foram dadas como desaparecidas após a passagem do tufão "Durian" no começo do mês.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.