Vai a 10 número de mortos em terremoto na Espanha

Dois terremotos foram registrados no sudeste da Espanha hoje, matando pelo menos dez pessoas e provocando grandes danos em edifícios, informaram funcionários do governo. O epicentro dos tremores - de magnitudes 4,4 e 5,2 - foi localizado perto da cidade de Lorca. O primeiro tremor ocorreu por volta das 17h (horário local, 12h em Brasília) e o segundo ocorreu duas horas mais tarde.

AE, Agência Estado

11 de maio de 2011 | 17h06

Segundo comunicado do gabinete do primeiro-ministro José Luis Rodríguez Zapatero, o tremor causou danos generalizados na cidade de Lorca e áreas próximas. Zapatero foi informado do desastre durante uma reunião com o rei Juan Carlos. O rei e o premiê conversaram logo a seguir com o presidente da região de Múrcia e Zapatero ordenou o envio imediato de unidades militares de emergência para a região.

A torre de uma igreja caiu na rua e por pouco não atingiu um repórter da emissora pública TVE, que transmitia ao vivo do local. Imagens de televisão mostraram famílias abaladas se reunindo em praças da cidade em busca de locais seguros e telefonando para parentes e amigos.

O prefeito de Lorca, Francisco Jódar, disse à TVE que alguns edifícios ruíram e que algumas pessoas foram retiradas de suas casas por precaução. "O tremor afetou toda a cidade e houve danos. Ele foi sentido na cidade inteira", disse. Os danos ficaram concentrados nas cidades de Lorca e Totana, mas também atingiram Albacete e Velez-Rubio, em Almeria, informou o gabinete do primeiro-ministro.

John Bellini, um sismólogo do Centro de Pesquisa Geológica dos Estados Unidos (USGS, pela sigla em inglês), disse que o terremoto mais forte teve magnitude preliminar de 5,3 e ocorreu 350 quilômetros a sudeste de Madri. O tremor ocorreu a uma profundidade de cerca de dez quilômetros e foi precedido por um menor, de magnitude 4,5, no mesmo local.

Os tremores ocorreram numa área sismologicamente ativa localizada perto de uma grande falha abaixo do Mar Mediterrâneo. O USGS diz ter registrado centenas de pequenos tremores na região desde 1990. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Espanhaterremotomortos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.