Vai a 132 número de mortes causadas por tornado no Missouri

Total de desaparecidos é de 156, afirmam autoridades; feridos são mais de 900

Associated Press

27 de maio de 2011 | 15h08

Vítimas do tornado aguardam em fila para receber donativos

 

JOPLIN - O número de mortes causadas pelo tornado que devastou a cidade de Joplin, no Estado americano do Missouri, na semana passada subiu para 132 nesta sexta-feira, 27, informou um porta-voz da cidade. As autoridades ainda tentam fazer uma lista com os nomes das pessoas desaparecidas.

 

Veja também:

mais imagens Galeria: Fotos da destruição causada pelos tornados

 

O porta-voz Lynn Onstot confirmou o novo total à Associated Press pouco antes de a administração estadual anunciar que a número de desaparecidos era de 156. As equipes de resgates e buscas permanecem trabalhando em busca de mais vítimas com 600 voluntários e cerca de 50 cães treinados.

 

Andrea Spillars, subdiretora do departamento de segurança pública do Missouri, disse em uma entrevista coletiva que ao menos 90 pessoas da lista de desaparecidos original já haviam sido localizadas com vida, outras seis foram encontradas mortas e que mais nomes foram incluídos na relação.

 

As autoridades disseram acreditar que muitos dos desaparecidos estejam vivos e em segurança, mas ainda não houve como buscar tais informações com amigos e familiares, em parte por conta dos instáveis serviços de telefonia. Acredita-se também, porém, que algumas dessas pessoas podem ter morrido.

 

Todos os números relacionados ao tornado de domingo ainda não estão claros. O ciclone, classificado na categoria máxima de uma escala que vai de 1 a 5, teve ventos de 320 km/h e foi o mais mortífero já vivido nos EUA em mais de seis décadas. Mais de 900 pessoas ficaram feridas.

Tudo o que sabemos sobre:
tornadoEUAJoplinMissouri

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.