Vai a 25 total de mortos em explosão em mina nos EUA

Ao menos quatro pessoas estão desaparecidas após o acidente

AE-AP, Agência Estado

06 de abril de 2010 | 07h46

Subiu para 25 o número de mortos após uma explosão em uma mina de carvão na Virgínia Ocidental (EUA) ontem, informou o diretor estadual de mineração, Ron Wooten. Quatro pessoas estão desaparecidas.

Segundo Wooten, a explosão aconteceu por volta das 15 horas locais na mina Uppey Big Branch, no condado de Raleigh, 48 quilômetros ao sul de Charleston. A empresa Massey Energy não forneceu detalhes sobre a extensão dos danos. A explosão ocorreu a mais de 300 metros de profundidade, transformando-se no pior desastre em mina nos Estados Unidos desde 1984.

A mina é operada por uma subsidiária da Massey, a Performance Coal Co. Equipes de emergência em mineração e socorristas do Escritório Estadual de Segurança em Mineração já foram para o local, mas a porta-voz do escritório, Jama Jarrett, não tinha mais detalhes.

A mina produziu 1,2 milhão de toneladas de carvão em 2009, de acordo com o Escritório Estadual de Segurança em Mineração. Pelo menos três trabalhadores morreram em acidentes na mina nos últimos doze anos.

Em 2006, 12 mineiros morreram numa explosão de metano na mina Sago, na Virgínia Ocidental. Em 2007, sete mineiros foram mortos por um desabamento na mina Crandall Canyon, no Estado de Utah.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAexplosãominamortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.