'Vaquinha' de dissidente arrecada US$ 945 mil

Em quatro dias, mais de 20 mil pessoas doaram cerca de 6 milhões de yuans (US$ 945 mil) pela internet, correio ou até mesmo jogando cédulas na casa do artista e dissidente chinês Ai Weiwei. Ele ainda não decidiu se pagará a multa de 15 milhões de yuans (US$ 2,4 milhões) por evasão tributária, admitindo implicitamente a culpa, ou se contestará a cobrança e correrá o risco de ser preso novamente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.