Vários países enviam condolências aos EUA

O México expressou neste sábado condolências pela explosão do ônibus espacial Columbia, enquantooutros países também enviavam suas expressões de pesar ao Departamento de Estado, em Washington.Em comunicado emitido neste sábado, a Secretaria de Relações Exteriores do México expressou "suas condolências ao governo e ao povo dos Estados Unidos pela explosão da Columbia ocorridasábado no Texas".Em Moscou, o presidente russo, Vladimir Putin, telefonou para seu colega norte-americano, George W. Bush, para manifestar suas condolências pela perda do ônibus espacial Columbia e seus setetripulantes.Putin disse que a cooperação russo-americana na exploração espacial tornava o acidente ainda mais trágico para os russos, afirmou o serviço presidencial de imprensa. A Rússia colabora com os EUA no desenvolvimento da Estação Espacial Internacional, depois do cancelamento do programa de seu laboratório espacial Mir, em 2001.O presidente russo também enviou um telegrama de condolências para o primeiro-ministro israelense, Ariel Sharon. O primeiro astronauta israelense, Ilan Ramón, viajava a bordo do Columbia.O presidente francês, Jacques Chirac, também manifestou sua "profunda aflição" pela perda do Columbia e disse que a França se sentia solidária com os EUA e Israel diante do acidente. Eletambém enviou uma carta de condolências ao presidente de Israel, Moshe Katsav, extensiva à família de Ramón.VEJA O ESPECIAL

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.