Vencedores do Nobel da Paz pedem fim das armas nucleares

Vencedores do prêmio Nobel da Paz pediram que os líderes mundiais negociem a "eliminação universal, legal e verificável das armas nucleares".

Agência Estado

23 de outubro de 2013 | 13h02

O comunicado, que foi divulgado nesta quarta-feira, no final da reunião anual dos laureados com o prêmio, também pediram negociações que encerrem os conflitos armados na Síria e em outras partes do mundo.

O grupo se reuniu em Varsóvia neste ano para lembrar os 30 anos desde que Lech Walesa venceu o prêmio por liderar o movimento Solidariedade, que ajudou a derrubar o comunismo na Polônia.

A atriz Sharon Stone foi convidada especial do encontro e recebeu homenagem por seu trabalho na luta contra o HIV e a aids. Os encontros anuais foram iniciados pelo ex-líder soviético Mikhail Gorbachev em 2000.

Neste ano, Gorbachev não participou do evento em razão de um tratamento médico, mas Shirin Ebadi, do Irã, e o dalai-lama estiveram presentes. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
mundoprêmio Nobelarmas nucleares

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.