Vendas da Ford na China crescem 14% no 1º semestre

Medidas oficiais para proteger setor da crise seguem obtendo resultados satisfatórios

AP e Efe,

22 de julho de 2009 | 01h59

As vendas da Ford na China cresceram 14% no primeiro semestre de 2009, com um total de 197.212 veículos comercializados, segundo um relatório da multinacional americana divulgado nesta quarta-feira, 22, pelo jornal "China Daily".

 

Entre as subsidiárias da Ford na China, a Changan Ford Mazda vendeu 140.386 veículos nos seis primeiros meses do ano, o que representa aumento de 20% em relação ao mesmo período de 2008.

 

Já a Jiangling Motors Corp. Ltd., montadora da qual a Ford é parcialmente dona, vendeu um recorde de 53.327 veículos durante a primeira metade do ano.

 

Os bons resultados da Ford na China são consequências diretas de políticas governamentais destinadas a preservar o setor automotivo no país dos efeitos da crise econômica.

Tudo o que sabemos sobre:
ChinaFordcrisesetor automotivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.