Venezuela: Capriles deixa cargo e inicia campanha

Henrique Capriles, governador do Estado venezuelano de Miranda, deixou formalmente o cargo nesta quarta-feira para arrancar sua campanha eleitoral como candidato da oposição à presidência da Venezuela, a qual disputará com o presidente Hugo Chávez, que tentará se reeleger em 7 de outubro. Capriles deverá formalizar a candidatura no domingo.

AE, Agência Estado

06 de junho de 2012 | 21h09

O governador de 39 anos se despediu e discursou a centenas de partidários e a funcionários públicos de Miranda, pedindo ajuda para que "a Venezuela encontre o seu caminho".

"Cumpri o que prometi a Miranda e tanto o povo de Miranda como da Venezuela inteira me fará o próximo presidente, e eu cumprirei (as promessas) com a Venezuela", disse Capriles. A oposição convocou uma marcha sobre Caracas para o próximo domingo, dia 10, quando acompanhará Capriles para a inscrição oficial da candidatura.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.