Venezuela doa helicópteros e remédios para Bolívia

A Venezuela doou para a Bolívia dois helicópteros franceses e 30 toneladas de alimentos, remédios e roupas. Além dos produtos, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, também enviou ao país uma equipe de médicos. Foram doados ainda US$ 12 milhões para permitir a compra de materiais para a reconstrução nas zonas afetadas pelas inundações, conforme a Agência Boliviana de InformaçõesAs enchentes, secas e tempestades que atingem a Bolívia há três meses foram provocadas pelas intensas chuvas resultantes do El Niño, fenômeno climático natural que está sendo agravado pelo aquecimento global, segundo climatologistas.As inundações desabrigaram cerca de 72 mil famílias e atingiram aproximadamente 65% do território nacional. Para associações agropecuárias do leste do país, o desastre já causou um prejuízo de US$ 250 milhões, incluindo a morte de 22.500 cabeças de gado, a perda de 200 mil hectares de plantações de soja e a destruição de rodovias.O vice-presidente da Bolívia, Álvaro Garcia Linera, considerou que a tarefa de reconstrução será muito dura. Não serão suficientes os helicópteros para levar ajuda e se necessitará de centenas de milhões de dólares para construir novas casas, estradas e reativar a economia local.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.