Venezuelano diz que precisa ampliar vantagem eleitoral

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse no sábado que precisa ampliar sua vantagem nas pesquisas para o candidato da oposição à presidência do país, Henrique Capriles. "Não voudizer que é uma vantagem cômoda, mas é uma boa vantagem", disse. "Agora temos de mantê-la e ampliá-la." Segundo as últimas pesquisas o presidente, que fez 58 anos no sábado e recupera-se de um câncer pélvico, tem 15 pontos porcentuais de vantagem para Capriles.

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2012 | 03h01

Em ato que reuniu milhares de apoiadores no bairro de Petare, o mais populoso de Caracas, onde comemorou seu aniversário, Chávez reiterou sua intenção de abandonar a Comissão Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA). O presidente venezuelano, que no sábado voltou a desfilar em caminhão, tem aumentado o número de suas aparições públicas e atos de campanha. / AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.