Ventos de 320 km/h acompanham o ciclone Monica

O ciclone tropical Monica, de categoria cinco, o maior nível na escala meteorológica, aproxima-se da costa do Território do Norte com ventos até 320 km/h. Os alarmes que advertem da iminente chegada do ciclone e de seu destrutivo potencial começaram a soar esta manhã em toda a região de Arnhem Land, enquanto as comunidades aborígines do oeste da Península do Cabo de York foram evacuadas. O diretor regional do Escritório de Meteorologias do Território do Norte, Mike Bergin, afirmou que o alerta se estendeu em direção ao oeste e inclui Jabiru, as Ilhas Tiwi e Darwin, cidade que ainda lembra do ciclone Tracy, que no Natal de 1974 a castigou e deixou quase uma centena de mortos. Bergin tranqüilizou os 4.000 moradores de Nhulunbuy, cerca de 750 quilômetros ao norte de Katherine, onde vivem 20.000 pessoas, e disse que o olho do ciclone possivelmente evitará a localidade e passará pelo norte. Segundo as previsões, a forte tempestade chegará à costa de Arnhem Land nesta tarde, após causar inundações em Queensland na semana passada e de passar dois dias cruzando os golfo de Carpentária. No mês de março,o ciclone Larry, também de nível cinco, atingiu o nordeste da Austrália e deixou danos no valor de mais de US$ 1 bilhão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.