Ventos mais calmos ajudam a combater fogo nos EUA

Os ventos mais calmos de hoje ajudaram as equipes que combatem o incêndio que já consumiu mais de 88 quilômetros quadrados desde quinta-feira e cobre a região de Los Angeles, na Califórnia, com uma fumaça sufocante. Mais de 800 casas e apartamentos já foram destruídos. Até o momento, não há registro de mortes.Mesmo áreas muito distantes do fogo são afetadas, já que a má qualidade do ar força muitas pessoas a ficar dentro de casa. Uma maratona que contaria com a participação de oito mil corredores teve de ser cancelada em Pasadena."A situação está ficando pior a cada ano que passa", afirmou Leonard Grill, um bombeiro com 20 anos de experiência de Riverside. "Esses incêndios costumavam ser extraordinários, um evento único na carreira. Agora, eles acontecem todos os anos."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.