Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

'Vi fraudes e não pude fazer nada'

Kira Tverskaya foi observadora voluntária em centros de votação do centro de Moscou no domingo. Segundo ela, a parte mais difícil do trabalho foi ver as fraudes ocorrerem e não poder fazer nada, apenas relatar para as organizações. Kira contou ao "Estado" que num dos locais, ônibus com mais de 150 eleitores chegaram para votar, e claramente seguiram para outro centro de votação minutos depois.

O Estado de S.Paulo

06 de março de 2012 | 03h04

Colegas que trabalharam em áreas do subúrbio da cidade chegaram a ser proibidos de monitorar alguns locais. "Monitorar é a única coisa que podemos fazer hoje. Somos um grupo de pessoas que decidiu lutar por suas vozes e de seus conhecidos", afirmou Kira. / T.E.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.