Xinhua, Lan Hongguang/AP
Xinhua, Lan Hongguang/AP

Vice-presidente chinês xi Jinping reaparece em público

Sem explicar sua ausência, vice aparece em evento na Universidade Agrícola da China, em Pequim

AE, Agência Estado

15 de setembro de 2012 | 09h21

PEQUIM- O vice-presidente chinês Xi Jinping, apareceu em público neste sábado,16, após duas semanas de especulações sobre seu desaparecimento, o que fez surgirem rumores sobre sua saúde e dúvidas sobre o processo de sucessão no país, já que ele é cotado para assumir a presidência da China.

Meios de comunicação estatais disseram que Xi visitou uma mostra na Universidade Agrícola da China, em Pequim, em comemoração ao Dia da Popularização da Ciência Nacional, mas não explicou o por que de ele ter ficado tanto tempo sem ser visto.

Fotografias postadas no site oficial do governo mostram Xi andando sob o sol, vestindo roupas casuais. Outra foto mostra o líder sorrindo ao observar vasos de plantas, sem mostrar sinais de problemas de saúde.

Uma longa reportagem em chinês, divulgada pela agência oficial de notícias Xinhua, não explica a razão pela qual Xi não era visto em público desde 1º de setembro, quando fez um discurso da academia de treinamento do Partido Comunista.

Após essa data, ele cancelou reuniões com representantes estrangeiros, dentre eles a secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton, o primeiro-ministro de Cingapura Lee Hsien Loong e a primeira-ministra dinamarquesa Helle Thorning-Schmidt.

A Xinhua informou que, durante a visita à universidade, Xi falou sobre segurança alimentar e fez um discurso improvisado no qual elogiou a instituição de ensino por compartilhar informações científicas com a população.

Xi deve assumir o comando do Partido Comunista durante o congresso que acontece este ano, o primeiro passo de uma transição de poder que deve resultar na posse da presidência, provavelmente iniciando um período de uma década à frente do comando do país mais populoso e da segunda maior economia do mundo.

 

As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinapolítica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.