Vídeo da Al-Qaeda mostra ataques terroristas no Afeganistão

A emissora de TV árabe Al-Jazira exibiu nesta segunda-feira imagens de ataques terroristas contra forças afegãs e americanas no Afeganistão. O vídeo é atribuído à rede Al-Qaeda. O âncora da Al-Jazira, que mostrou menos de dois minutos do vídeo, disse que a idéia era mostrar um ataque a bomba contra veículos militares que desde o mês passado patrulham a província afegã de Kunar, na fronteira com o Paquistão.A autenticidade do vídeo, aparentemente material de propaganda, ainda não foi comprovada. A Al-Qaeda e outros grupos militantes costumam colocar vídeos na Internet. A gravação mostra o logotipo da Al-Sahab, a produtora de vídeos da Al-Qaeda.O vídeo mostra um terrorista preparando uma mina para ser detonada em um ataque. Ao seu lado uma criança aparentando quatro ou cinco anos aparece segurando uma arma e com um cinto de munição pendurado no ombro.A fita também mostra o que aparentemente seriam três ataques separados: em cada um deles, um jipe militar é visto descendo uma montanha e logo depois é atingido por uma explosão. Vítimas das explosões não são mostradas.O vídeo apareceu quatro dias depois que Gulbuddin Hekmatyar, um poderosos senhor da guerra afegão, declarou seu apoio a Osama bin Laden em uma gravação que também foi exibida pela Al-Jazira. Recentemente, Bin Laden e seu braço-direito, Ayman al-Zawahri, enviaram mensagens exortando os muçulmanos a lutar contra os Estados Unidos e seus aliados.Na sexta-feira passada, um helicóptero dos EUA caiu nas montanhas de Kunar, matando dez soldados norte-americanos, mas oficiais disseram que foi um acidente e não um atentado provocado pelos insurgentes, como reivindicou um porta-voz taleban.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.