Vídeo mostra execução coletiva de 11 reféns no Iraque

Um vídeo divulgado nesta quinta-feira mostra rebeldes matando 11 soldados iraquianos mantidos como reféns. Um deles é decapitado e os outros dez são fuzilados. O massacre de 11 membros da Guarda Nacional foi reivindicado por um grupo chamado Exército Ansar al-Sunnah. O vídeo foi publicado no website do grupo. Nas imagens, cada vítima aparece dizendo seu nome a unidade a que pertence. Um deles então é jogado no chão. Um dos rebeldes puxa-lhe a cabeça pelos cabelos e a separa do corpo. Outro rebelde, armado, atira nos demais, ajoelhados e amarrados. Em seguida, a arma é descarregada nos corpos caídos.

Agencia Estado,

28 Outubro 2004 | 13h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.