Vietnã construirá refinaria de petróleo de US$ 9 bi

O Vietnã assinou neste domingo acordos com empresas do Japão e do Kuwait para construir uma refinaria de petróleo avaliada em quase US$ 9 bilhões, em resposta à crescente demanda por energia no país. A refinaria Nghi Son, que deve entrar em operação até 2017, na província de Thanh Hoa, transformará petróleo do Kuwait em gasolina e outros derivados.

AE, Agência Estado

27 de janeiro de 2013 | 20h00

A refinaria terá capacidade para processar 10 milhões de toneladas de óleo cru por ano, segundo o governo. A estatal PetroVietnam terá uma participação de 25,1% na joint venture, enquanto a japonesa Idemitsu Kosan e a Petroleum International, do Kuwait, terão 35,1% cada. Os 4,7% restantes ficarão com a japonesa Mitsui Chemicals.

O Vietnã possui reservas offshore, mas ainda gasta bilhões de dólares ao ano com a importação de derivados de petróleo para alimentar sua crescente economia.

A primeira refinaria do país, a Dung Quat - que custou US$ 2,5 bilhões e tem capacidade para processar 6,5 milhões de toneladas de óleo cru por ano - foi inaugurada em 2009, após longos atrasos.

Segundo a PetroVietnam, as duas refinarias devem atender a 65% das necessidades de petróleo e gás do país. A estatal também está planejando a construção de uma terceira refinaria, na província de Ba Ria-Vung Tau, no sul do Vietnã. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Vietnãrefinaria

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.