Vietnã já tem 8 mortos por gripe avícola

Testes laboratoriais confirmaram hoje que outras duas pessoas morreram no Vietnã depois de terem sido infectadas pelo vírus H5N1 da influenza aviária. Com isso, o número de vítimas fatais no país sobe para oito, informaram autoridades. O diretor do Intituto Nacional de Higiene e Epidemiologia, Hoang Thuy Long, as mais recentes vítimas foram duas irmãs, uma de 23 anos e a outra de 30 anos, da província de Binh, no norte da Tailândia. Elas entraram no Instituto de Pesquisa Clínica para Medicina Tropical em 13 de janeiro e faleceram em 22 de janeiro. Long informou ainda que o irmão de 31 anos das duas vítimas morreu em 14 de janeiro, no Hospital Bach Mai, mas como o corpo foi cremado, não foi possível coletar amostras para testes. CambojaNo Camboja, o Ministério da Saúde informou hoje que não há casos confirmados de vítimas humanas fatais da doença. "Três pessoas foram identificadas no sábado, 24 de janeiro, com problemas respiratórios de leves a moderados durante investigação numa fazenda da província de Kandal. No entanto, até o momento, os testes tiveram resultados negativos para o vírus da influenza", informou o Ministério. Na Tailândia, duas crianças morreram por causa da doença.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.