Vietnã ratifica tratado contra testes nucleares

O Vietnã ratificou o Tratado de Proibição Total de Testes Nucleares (CTBT, em inglês), em um importante passo para a entrada em vigor desse acordo multilateral, informou a ONU em Viena nesta segunda-feira. Depois da ratificação do país asiático, ainda restam dez nações que não deram o sinal verde definitivo ao CTBT, entre elas Colômbia, China, EUA, Israel, Irã, Índia e Paquistão. O principal objetivo do CTBT, que desde sua implementação em 1996 foi assinado por 176 Estados, é construir uma rede mundial com um total de 337 estações científicas capazes de detectar qualquer detonação nuclear no planeta. Atualmente, existem cerca de 130 estações distribuídas por todo o mundo, que enviam dados à central em Viena, onde são analisados e reenviados aos Estados-membros que quiserem. A organização do CTBT atraiu a atenção internacional após o maremoto registrado no sudeste da Ásia, em dezembro de 2004, já que se espera criar uma rede mundial de alerta de tsunamis com a ajuda de suas estações científicas.

Agencia Estado,

13 Março 2006 | 16h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.