Vinte sunitas são seqüestrados no Iraque

Um grupo de insurgentes seqüestrou nesta quarta-feira vinte pessoas em um edifício da instituição sunita Waqf, que administra os bens religiosos e as organizações caridosas sunitas no Iraque.O presidente da Waqf, Ahmed Abdel Ghafur al-Samarrai, explicou que um grupo que pertence a "milícias terroristas" invadiu no começo da manhã um imóvel da instituição, na região de Tlej, no norte de Bagdá, e capturaram vinte pessoas.O responsável sunita acrescentou que entre os seqüestrados há várias crianças, além de funcionários da instituição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.