Violência deixa 15 mortos na Caxemira nesta terça-feira

As forças de segurança indianas anunciaram ter matado 12 militantes separatistas nesta terça-feira na disputada região de Jammu-Caxemira, enquanto uma explosão causava a morte de um civil e de um soldado que tentava desativar uma bomba. Outro militar indiano morreu num tiroteio.Soldados do Exército e guardas de fronteira mataram os militantes em três incidentes separados na região oeste da Jammu área cujo controle é reivindicado tanto pela Índia quanto pelo Paquistão, informou a polícia local. Não há confirmação independente para os relatos, feitos por oficiais sob a costumeira condição de anonimato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.