Violência em aniversário do golpe de Pinochet

Uma passeata pacífica para marcar o 31.ºaniversário do golpe por meio do qual o general Augusto Pinochetassumiu o poder no Chile terminou com violentos choques entremanifestantes e policiais neste sábado. Pelo menos 25 manifestantes foram detidos, disse o general depolícia Héctor Henríquez. Um policial foi ferido por uma pedradano rosto. A violência começou durante um ato no Cemitério Geral deSantiago, ao lado de um memorial às vítimas da ditadura dePinochet. Pequenos grupos de jovens começaram a atirar pedras ecoquetéis Molotov contra os policiais, que reagiram com bombasde gás lacrimogêneo e poderosos jatos d´água. Este 11 de setembro também marca o primeiro aniversário doassassinato da chanceler sueca Anna Lindh em Estocolmo. Diversosbuquês de flores foram depositados em um memorial improvisado emfrente à loja de departamentos Nordiska Kompaniet, onde ela foiassassinada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.