Violência étnica deixa 19 mortos na Índia

Soldados patrulhavam nesta quarta-feira o Estado indiano de Assam, no nordeste do país depois de confrontos étnicos terem deixado pelo menos 19 mortos nos últimos dois dias, informou a polícia local. Um grupo de mais de 15 pessoas atacou hoje quatro comerciantes provenientes do Estado de Bihar na cidade de Bongaigaon, 200 quilômetros a oeste de Gauhati, capital de Assam, prosseguiu a polícia. Não havia mais detalhes disponíveis sobre esse incidente. Ontem, pelo menos outras 15 pessoas morreram quando habitantes de Assam atacaram colonos que falam hindi também provenientes de Bihar, disseram fontes policiais. A Frente Unida de Libertação de Assam, um dos principais grupos separatistas do norte da Índia, emitiu um comunicado na semana passada recomendando que pessoas que falam hindi deixassem Assam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.